[Date Prev][Date Next] [Thread Prev][Thread Next] [Date Index] [Thread Index]

Re: de mal a pior



Em 25 Sep 2002 19:29:34 +0000, Rafael Alexandre Schmitt <rafaelsch@uol.com.br>
escreveu:

> foi sim , o konqueror é o kfm reescrito do zero :o)
> não vou postar o diff do código fonte do kfm e do konqueror.

Ser reescrito do zero significa começar do zero mesmo... o konqueror
veio do kfm para se tornar o que é hoje (algo muito bom, por sinal),
o nautilus foi feito pra ser o nautilus... um integrador de objetos
bonobo desde o começo...

Eu concordo que o nautilus 1 é uma bosta[1]... pode pegar os logs do
canal e dessa lista para ver quantas vezes eu disse isso, mas depois
de muito trabalho do pessoal do GNOME o nautilus ficou tão rápido
quanto o konqueror... ele é mais rápido pra lidar com imagens, aliás,
que o konqueror

[1]: não por causa de integração... até que ele integrava bem o GNOME 1.4,
mas por causa da lentidão, que foi resolvida no GNOME 2.0

> > e o konqueror não é insubstituível... 
> eu sei , mas ninguém em sã consciência vai usar o nautilus ou o rox no
> kde quando o konqueror já cumpre muitíssimo bem o seu papel.

Argumento Inválido -- de novo... substituir o nautilus também é uma
decisão do usuário... basta ele ser são =D

> tudo isso sem o marketing da ximian ou a verborragia do rms :-P

Esse parece ser seu principal problema... a ximiam e o rms... não 
coloque seu ódios pessoais por uma empresa ou uma pessoa afetarem
sua visão global de um projeto ou de um sistema... por favor =)

Que manda no GNOME somos nós, que colaboramos com ele... todos nós,
não é a ximian nem o rms...

Ou vamos começar a ficar com raiva do KDE por causa da Qt e da 
Kompany? Bobagem...

> > Bom, a integração do GNOME2 está muito boa... eu uso o gnome gv dentro
> > do nautilus quando clico num .ps... acho que você está realmente falando
> > sem conhecer, cara... refaça seus testes =)
> 
> de fato eu testei pouco, apenas algumas horas no domingo antes de mandar
> o meu e-mail para a lista...

Só isso já é o suficiente pra jogar todos os seus argumentos no lixo...
pode ser, principalmente, problema de BIOS, se é que me entende, a sua
experiência ruim... ;)

> é claro que o kde é muito mais windows que o gnome , isso é fato...até
> aqui todos concordam.

Não parecia que você concordasse...

> pelo que me lembro ouvi ( li ) comentários onde o homem de barba teria
> pedido , ou recomendado , ensinado , ou sei lá o que , aos
> desenvolvedores do gnome para não "imitar" o windows mas deixá-lo com o
> look and feel do mac os x.

Não foi recomendado a ninguém... eles gostam mais do estilo do Mac... muitos
deles têm um Apple Titanium na mão e gostam mais do look and feel do Mac...
era natural que eles tentassem fazer algo mais parecido com Mac... olha o
nautilus e o GNOME2 que vem por padrão... depois compare com o Mac... 

> é isso? isso está correto ou eu viajei? 

Viajou geral, como em quase tudo que disse sobre o GNOME, aliás =D

> com base nisso eu fiz o meu comentário que você não entendeu ou não quis
> entender.porque não desenvolver as suas próprias soluções ao invés de
> imitar a microsoft ? isso já foi discutido em outra lista por gente com

Não é questão de imitar a Microsoft ou não... é questão de aproveitar boas
idéias, independente da origem delas... ou você acha que não devemos usar
um gerenciador de pacotes porque a RH também usa? Ou que não devemos usar
o modo servidor do galeon porque o Windows costuma fazer isso com o IE?

É bobagem pura, cara... o que conta é se o conhecimento está sendo
disponibilizado de forma livre... 

Por que é que nós vamos levar horas de projeto tentando inventar uma coisa
que já existe e que satisfaz exatamente nossas necessidades? O GNOME, aliás,
usa alguns conceitos que também são usados no Windows (e no KDE, também), mas
os usa e implementa, muitas vezes, de forma totalmente diferente...

O que conta é se a implementação é boa, se funciona bem e se é livre...
Ou vamos começar a perder tempo reinventando a roda?

> não é fud e se fui incoerente ou não é uma visão sua das minhas opiniões
> , sinto muito que não tenha sido muito claro.

A raposa é feia porque não tem rabo.

Isso é incoerente pra qualquer um =D... principalmente se o cara que falou
isso só tiver olhado a raposa pela frente, e só tivesse prestado atenção
no rosto dela =D

Acho que ninguém vai querer entrar nessa discussão pra acalorá-la, mas
os comentários que tenho ouvido do GNOME2, principalmente no canal
#debian-br, onde muitos que nem usam GNOME o estão testando é:

'cara, que mágica é essa que os caras fizeram pra o nautilus ficar tão
rápido?'

'o GNOME2 inicia e é muito mais rápido que o KDE3'

'cara, como o gdm ficou bonito!'

E coisas do tipo... e são users... apaixonados pelo window maker, pelo
fluxbox... não pelo KDE ou pelo GNOME =)

Se alguém quiser dar sua impressão como dado real para essa discussão
será bem vindo =)

> a minha opinião é de user , "usei e não funcionou como eu gostaria".
> é simples assim.  não sei porque você ficou nervoso com o meu e-mail.

Eu fiquei nervoso por um motivo muito simples: você caiu matando em algo
que nem testou direito e saiu falando pelos cotovelos... é preciso conhecer
as coisas, até mesmo para criticar... criticar pelo simples fato de querer
criticar tem nome: 'troll' =)

> eu não faço parte da "scene" ou de nenhuma comunidade cara ;o)
> eu uso software que satisfaça as minhas necessidades.

Sim, eu sou extremamente idealista, ao contrário de você, mas mesmo
assim você não deixa de ser parte da comunidade... você está por aqui,
batendo papo comigo... isso é ser comunidade!

E mesmo os idealistas podem ter o pé no chão, rapaz... as vezes mais
que os não-idealistas \=)

> o kde evoluiu muito mais rapidamente que o gnome , e aparece na mídia
> muito menos que este. na minha humilde opinião eu concluí que enquanto
> muita gente no gnome fica ( ou ficava ) discutindo eternamente os
> malefícios das licenças x , y , z o pessoal do kde botou a mão na massa
> e fez e refez um software excepcional ,que tira o melhor do windows e
> deixa esse a km de distância em usabilidade e beleza.
> de novo , eu sou user e não hacker :o)

Eu concordo com você plenamente que o KDE evoluiu mais rapidamente que o 
GNOME no desktop... mas arriscaria dizer que a evolução como plataforma
de desenvolvimento ocorreu mais rápido no GNOME... e que o GNOME 2.2
vai ser um desktop tão bom quanto o KDE da mesma época dele...

A evolução mais rápida do KDE no desktop se deve à preocupação que os
hackers do GNOME tiveram em construir uma base de desenvolvimento
extremamente sólida e coerente... os hackers do GNOME não ficaram se
preocupando com licenças x, y e z, como você imagina... mas trabalhando...

Os pseudo-advogados somos nós Debian Developers, não os do GNOME =D

Mas há de se ver que o KDE estava violando a GPL, e representava um
perigo para o software livre em determinado momento... o que hoje não
representa mais... e é por isso que eu amo o projeto KDE tanto quanto
o GNOME

E como usuário -- não sou hacker do GNOME ainda =D -- eu te digo que
o GNOME me satisfaz mais... mas ainda coloco o KDE para alguns amigos,
porque acho que ele satisfaz a necessidade deles, e porque prezo o KDE
tanto quanto o GNOME... isso depois de testar o KDE *muito bem* desde
o 1.2, quando eu usava o kmail como leitor de emails... e de testar o
GNOME desde o 1.0...

[]s!


-- 
kov@debian.org: Gustavo Noronha <http://people.debian.org/~kov>
Debian: <http://www.debian.org>  *  <http://www.debian-br.org>
Dúvidas sobre o Debian? Visite o Rau-Tu: http://rautu.cipsga.org.br

Attachment: pgpwq30yjPZLE.pgp
Description: PGP signature


Reply to: